Buscar

Acreditar no Talento

Certa vez ouvi que o brilho de nossa alma é como a chama de um lampião cujo combustível dura toda a vida. A chama sempre brilhará, independentemente do vento e das intempéries porque este lampião é protegido por uma bela redoma de vidro.


Quando nascemos este lampião é polido e brilhante. O tempo e o ambiente pouco a pouco, mancham esta proteção e ofuscam - ou obscurecem - o brilho desta chama.

Como gestor desenvolvimento de software parte do meu trabalho é endereçar desafios para uma equipe e no ambiente de alta inovação, os desafios frequentemente exigem habilidades complexas e talentos refinados.


Quando estou diante de um colega de trabalho, o que eu enxergo pode ser comparado com esta camada protetora do lampião. Isso todos podem ver. Em alguns casos, o brilho da chama está mais ou menos aparente, porém, sempre encontrei - nos outros e em mim mesmo - muito à polir antes de ver todo o brilho total dessa luz.


A TSer atua para mim como um conhecimento antecipado desta luz, mesmo quando não posso vê-la completamente, posso compreender o tamanho da extensão e da cor do seu brilho e com isso, aumentar minha clareza de como cada pessoa pode se sentir mais plena em sua função, com desafios apropriados ao tipo de talento que cada uma trouxe ao mundo.


E aqui a metáfora encontra seu limite, pois a luz de cada ser humano é como 10 milhões de sóis. Deixando de lado a sofisticação linguística das imagens, parto para exemplos que eu vi e vivi.



O poder relacional por trás da técnica


Atuei com um profissional da área de software extremamente técnico, científico e talentoso. Tudo que ele produzia tinha a marca da sensatez, da lógica e do pensamento organizado. Poderia facilmente mantê-lo em uma posição técnica, porém, a TSer me revelou que aquele profissional tinha o impulso na posição 2 do quadrante fogo. O quadrante fogo tem força empreendedora, capacidade de instinto e muita disposição física enquanto a posição 2 é altamente empática de excelente compreensão dos sentimentos das pessoas.


Havia um desafio de um novo produto na empresa, onde seria necessário realizar diversas rodadas de Design Thinking com usuários pelo Brasil inteiro. Era absolutamente fundamental que eu encontrasse um profissional com domínio técnico e capacidade de interagir com os potenciais usuários para construir este novo produto.


Municiado com esta hipótese - e é sempre importante lembrar que com a TSer, é sempre uma provocação apenas - chamei-o para uma conversa, apresentei a ideia e perguntei como ele se sentia diante daquela oportunidade. Foi um casamento perfeito, ele não só conduziu o processo com excelência, como trabalhou com grande felicidade e desenvolveu força para saltos maiores na carreira.



A Necessidade de Inovar


Um estagiário que tive o prazer de orientar e que hoje é um profissional de alto nível, assim que começamos, apresentava alguma dificuldade com certos desafios mais profundos e alguma impaciência diante de tarefas mais repetitivas. A convivência com ele era fantástica pelo alto interesse cultural, capacidade de diálogo e alegria que ele trazia, mas sentia que faltava algo para acertar o curso da minha orientação.


Com a TSer identifiquei que ele possuia um impulso de posição 5 no quadrante Ar. O quadrante de ar para a TSer é ligado às ideias, projetos, formas de pensamento, novidades e inovações conceituais. A posição 5 é a uma das posições mais dinâmicas, sempre exigindo movimento, articulação e novidade. Parecia evidente que a chave daquele processo estava ligada à movimentos inovadores, ou, sendo mais prático para a área de software, novas tecnologias.


Comecei então a propor desafios que envolvessem estudar coisas novas, iniciando com tarefas simples, de baixa complexidade, para ir experimentando o gosto da novidade e sempre oferecendo tempo adequado à exploração. Segue funcionando bem até hoje em ciclos de um ano onde buscamos que ele se envolva com uma nova tecnologia. O prazer de poder estudar algo que ninguém conhece trouxe alegria e bem estar no trabalho, além de inovação no produto.



Nível técnico muito profundo


Uma das pessoas que mais admiro na minha área é um jovem que programa - muito bem - em pelo menos 6 linguagens diferentes. A maioria dos programadores fica em uma ou duas com boa proficiência. Para ele na verdade, a linguagem de programação é um mero detalhe.


Gosto de dizer que com ele do meu lado, resolvo qualquer problema técnico, sem exagero. Este jovem é um impulso de posição 7 no quadrante ar. A posição 7 na TSer representa conceitos de profundidade e excelência. É bastante comum encontrar pessoas com a posição 7 atuando como referência técnica em suas áreas. Ainda mais por estar em um quadrante de ar, ele aplica profundidade no mundo tecnológico e intelectual, sendo muito dedicado quando decide estudar algo novo, alcançando um nível de compreensão ao mesmo tempo amplo e específico. É disciplina e dedicação, mas transmite genialidade.


Neste caso, fiz muito pouco, mais observei a luz do que atuei para revelá-la. Mas ainda assim, alguns cuidados me auxiliam muito nessa relação. Eu preciso, quando atuo com ele, oferecer desafios realmente grandes e significativos que façam realmente uso de tanto talento.



Mas a luz sempre brilha


Em todos estes casos, é importante destacar que meu papel como gestor, tem menos haver com o polimento desta esfera e mais relação com não sujá-la ainda mais. Há uma tendência muito forte de não individualizarmos o olhar, de manter uma certa “generalização” sem darmo-nos conta que apesar da metáfora do lampião, cada luz brilha de uma maneira única.


Nosso exemplo 2 de fogo, teria encontrado sozinho seu caminho empreendedor, e mesmo sem eu saber, vir a descobrir mais tarde que ele já buscava este caminho por outros meios.

Todos nós, de alguma forma, somos atraídos para onde podemos exercer nossos talentos com mais plenitude.


Um gestor estudante da TSer tem na sua função uma capacidade de provocar, de estimular, e especialmente, de acreditar naquela luz, pois não há nada mais fortalecedor para uma alma do que alguém que acredita nela, mesmo quando a luz ainda não está totalmente visível.


Kaléu Puskas Diedrich Caminha

Desenvolvedor de Software desde 2007.

Codificador TSer desde 2014.

16 visualizações

Human Code Tecnologia em Gestão de Pessoas Ltda. | CNPJ 33.018.259/0001-19

Atendimento: (11) 99528-3539 / E-mail: contato@tserprogramas.com.br 

Política de Privacidade   Termo de Uso

© 2019 por @olucasmartinss